CuidAUdos

CuidAUdos

dicanimal-dica-animal-cuidados-jardim

dicanimal-dica-animal-cuidaudos-petjardim

Se você tem crianças ou pets em casa, pesquise antes de criar seu jardim.

Mantenha fora do alcance dos focinhos

Abacateiro, amarílis, antúrio, aroeira-do-campo, arruda, artemísia, azaleia, azevinho, babosa, beladona, bico de papagaio, caju, cicuta, comigo-ninguém-pode, confrei, copo-de-leite, coroa-de-cristo, costela-de-adão, cróton, dedaleira, espada-de-são-jorge, espirradeira, estrelícia, filodendro, hera, hortênsia, íris, jacinto, jiboia, lírio, louros cereja e rosa, macadâmia, madressilva, mamona, mandrágora, narciso, olho de cabra, pinhão roxo, prímula, tinhorão, tremoço, tulipa, urtiga, violeta e alguns frutos, como os do damasco e do pêssego. Adubos e pesticidas também podem ser nocivos aos pets.

 

Mantenha perto dos focinhos

Erva-cidreira, hortelã e citronela (repele insetos variados, inclusive o responsável pela leishmaniose) são do bem.

atenCÃO

  • Ao menor sinal de indigestão, sede e mal estar de seu cão, cuidado redobrado. É nesses momentos que ele sente necessidade de engolir folhas, que facilitam a digestão e o vômito.
  • Cuidado com os filhotes, que podem ingerir plantas por curiosidade.
  • A má nutrição pode favorecer o consumo de vegetais. Ofereça uma boa ração e mantenha a água sempre fresca para evitar que seu cão lamba as plantas molhadas pela chuva.
  • Animais que ficam presos por longos períodos podem extravasar o tédio no jardim.
  • Se ocorrerem os sintomas de intoxicação não provoque o vômito, lave com bastante água corrente as áreas que tiveram contato com a planta e corra para o veterinário com uma amostra do vegetal.